Ler Tarô pode nos fazer mal?


divine

Recentemente recebi um email que me relatava sobre o fato de que muitas pessoas que trabalham com cartomancia possuem vidas confusas e, por isso, ficam constantemente doentes. Assim, a pessoa queria saber o que eu fazia para me manter em equilíbrio.

Como se trata de uma questão interessante e um fato que eu também já notei em colegas, coloco minha resposta abaixo sobre o que faço para não me contaminar durante as consultas:

Respondendo sua dúvida, eu tento levar o Tarô da forma mais profissional possível, não me apegando, nem sofrendo com os problemas dos consulentes. Afinal, é muito normal a gente ter empatia e compaixão pelos sofrimentos alheios, acabando por confundir as coisas e, no processo, se desgastando.

Por isso, as pessoas que acabam ficando mal (e doentes) nesta profissão são justamente aquelas que acham que somos ou devemos ser amigos dos clientes, não impondo nenhum tipo de limite a eles, seja atendendo a qualquer horário, seja repetindo a mesma pergunta, só para que se acalme ou batendo papo ao invés de ler as cartas, etc).

Na verdade, os consulentes nada tem a ganhar com isso, pois neste movimento, acabamos perdemos a objetividade e imparcialidade, até porque nosso trabalho não pode ser confundido com o de um médico ou psicólogo, mesmo que nossas leituras muitas vezes esbarrem nestas áreas.

Isso não significa, porém, que eu esteja 100% imune à energia das pessoas que consultam comigo. Se a pessoa está muito desesperada, irada ou inconformada, eu acabo sentindo. Então, tento não atender pessoas que estejam muito afetadas emocionalmente, encaminhando-as para suas famílias, amigos ou terapeutas, que são as pessoas mais indicadas no momento, do mesmo modo como não faço consultas se estou me sentindo cansada. Nestas horas, é melhor atender menos pessoas, mas com tranquilidade, do que ficar recebendo uma pessoa atrás da outra.

Veja outras dúvidas aqui

Anúncios

Sobre Vanessa Mazza

Graduada em Comunicação Multimídia pela UMESP, já trabalhei com mídias e publicações (jornais, internet e revistas), mas minha paixão sempre foi o Tarô, com o qual tenho uma vivência de mais de 20 anos. Atualmente resido em Franca, em São Paulo, sendo taróloga profissional – atividade reconhecida pelo ministério do trabalho desde 2002 – e atendo preferencialmente por chat e email.

Publicado em 09/14/2016, em Artigos, Dúvidas de Clientes e marcado como , , . Adicione o link aos favoritos. 2 Comentários.

  1. Jose Carlos de Carvalho Teles

    Fiz uma tiragem com três cartas, utilizando o Tarot de Marseille, onde estabeleci, que serviria para o final de semana, sábado e domingo, e mais, a 1a. Carta tirada seria o desafio, a 2a. Carta seriam as oportunidades, e a 3a. Carta, seria a sintese ou conselho ou decisão a ser tomada.
    Saíram, na ordem, 5 de espadas – 3 de ouros – 3 de copas – interpretei como sendo : falar pouco, analisar o ambiente, considerando que o desafio seria evitar a “brutalidade”; a mensagem seria terminar tudo que está inacabado, vai facilitar a próxima semana; e o conselho seria – que tal ficar tranquilo e sereno nestes dois dias, permitir a alegria e a felicidade…………
    Será que estou correto? Existe essa tiragem? ela pode ser utilizada….?
    Grato,

    José Carlos de Carvalho Teles.

    Curtir

Alguma dúvida? Deixe abaixo!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: