Erros comuns na hora de ler o Tarô


Encontrado em etsy.com

Encontrado em etsy.com

Ler cartas não é algo tão complexo que não possa ser feito por qualquer pessoa, porém, não é tão óbvio a ponto de não ter algumas diretrizes e orientações. Assim, não basta apenas saber os significados e as tiragens, é preciso ter em mente os parâmetros corretos. Desse modo, as respostas serão mais claras e o resultado mais efetivo.

Vejas exemplos de erros comuns na hora de ler o Tarô:

Sacerdotisa - Katalin Szegedi Tarot

Sacerdotisa – Katalin Szegedi Tarot

1. Não elaborar a pergunta corretamente – Isso costuma acontecer com frequência. Você pergunta: este novo emprego será melhor ou pior que o meu atual? O Tarô não vai conseguir responder. Seria melhor dizer: Meu novo emprego será melhor que o meu atual? Afinal, se for pior, a resposta irá indicar. Outro erro é querer saber muitas coisas diferentes na mesma questão: Ele me ama, me trai ou quer casar comigo?

5 de Espadas - Golden Tarot

5 de Espadas – Golden Tarot

2. Ler com pressa ou ansiedade – A interpretação costuma ser construída a medida que você se permite ficar analisando e refletindo sobre o que saiu. Isso significa que, se você ler em alguns minutos, terá a essência da leitura, mas, se deixar aquele jogo aberto para futuras análises, mais coisas serão apreendidas dele. Portanto, ler correndo é perder muito do sentido e quase nada entender do que saiu.

2 de Espadas - Anna K

2 de Espadas – Anna K

3. Não definir o jogo antes de perguntar – A tiragem certa ajuda muito na precisão da resposta. Se você quer entender algo mais geral, não pode usar jogos que falam de detalhe e vice-versa. O mesmo se aplica com a falta de experiência. Se você não tem domínio, prefira outro jogo, mesmo que mais simples, mas que você conheça bem.

Lua - Rohrig Tarot

Lua – Rohrig Tarot

4. Misturar linhas interpretativas diferentes na mesma tiragem – Se você gosta de usar o método do Veet Pramad, não deve usá-lo em algumas cartas e nas outras, o do Nei Naiff. Muito menos começar lendo segundo o estilo do Tarô Mitológico e terminar como no Marselha. Apesar das cartas serem essencialmente as mesmas, optar por uma linha só lhe dará mais segurança e clareza.

Imperatriz - Shadowscapes Tarot

Imperatriz – Shadowscapes Tarot

5. Usar um baralho com o qual não tem afinidade – Mesmo sabendo o significado de todas as cartas, às vezes usar um Tarô que você considera feio ou desajeitado de usar, prejudica a leitura, pois torna o momento artificial. Use, sempre que puder, baralhos que você gosta e com os quais se sente à vontade.

Rainha de Espadas - Art Nouveau Tarot

Rainha de Espadas – Art Nouveau Tarot

6. Tentar ajustar demais o que o consulente disse com aquilo que saiu – Na tentativa de agradar, podemos correr o risco de ler aquilo que combina mais com nosso consulente e não o que de fato saiu. Tome cuidado, pois muitas vezes o consulente mente para você e também para si mesmo.

Anúncios

Sobre Vanessa Mazza

Graduada em Comunicação Multimídia pela UMESP, já trabalhei em emissoras de TV, produtoras de vídeo e cinema, além de ter sido assessora de imprensa de um órgão do Governo do Estado de São Paulo. De 2008 a 2011 me envolvi com a área de internet do Grupo Corrêa Neves de Comunicação em Franca, cidade do interior paulista para a qual me mudei para ter mais qualidade de vida e bem-estar. Dessa forma, pude me dedicar mais intensamente ao tarô, com o qual tenho uma vivência de 17 anos e mais de 5 mil atendimentos, e outros assuntos holísticos, escrevendo artigos e realizando consultas. Atualmente resido em Petrópolis, no Rio de Janeiro, tendo assumido completamente minha profissão de taróloga – que passou a ser reconhecida pelo ministério do trabalho desde 2002 – e atendo preferencialmente por chat e email.

Publicado em 04/16/2015, em Artigos, Combinações, Tarô, Tiragens e marcado como , , , . Adicione o link aos favoritos. 4 Comentários.

  1. Vanessa, este artigo me ajudou bastante, pois como meu primeiro aprendizado com o tarot foi com o Nei Naiff me confundia muito com outras linhas de interpretação como as de Ride Waite entre outras.
    Agora ficou bem esclarecido!
    Obrigada!

    Curtir

  1. Pingback: Resumo de Abril/2015 | Tarolando

  2. Pingback: Retrospectiva 2015: alguns dados | Tarolando

Alguma dúvida? Deixe abaixo!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: