Vibração Oracular: 22 Arcanos Maiores


TaroNeiVol2

Uma das coisas mais interessantes que encontrei no volume 2 de Nei Naiff, Vida e Destino (leia a resenha do primeiro volume aqui) foi o conceito de Vibração Oracular que, segundo o autor, é “a força mensurável do arcano”. Com ela, não se erraria mais em nenhuma interpretação. De fato, devo concordar que tem me ajudado muito em minhas consultas.

Trata-se de uma espécie de classificação dos arcanos de acordo com a energia que emitem, por assim dizer. Por exemplo, o Imperador é realizador, unidimensional e centrípeto. Isso significa que ele tem poder e liberdade para decidir (realizador), porém, por causa de sua postura fixa ou rigidez mental, isso nem sempre contribui para o seu sucesso (unidimensional), fazendo com que se tente impor o tempo todo sobre os outros ou as circunstâncias (centrípeto).

Ou seja, seria um erro afirmar que com o Imperador tudo irá fluir naturalmente, com reciprocidade e que não haverá resistências ou obstáculos. Muito menos que mudanças significativas ocorrerão, já que a qualidade do unidimensional e do centrípeto é continuar na mesma intensidade e provavelmente centrado em si mesmo.

Vacchetta Tarot

Vacchetta Tarot

Com o tempo pretendo colocar mais detalhes de cada tipo. Por enquanto, para quem não leu o livro, segue uma lista rápida dos 22 Arcanos Maiores:

  1. Mago – transicional, dinâmico;
  2. Sacerdotisa – lento, unidimensional, centrípeto;
  3. Imperatriz – realizador, dinâmico, aberto;
  4. Imperador – realizador, unidimensional, conclusivo;
  5. Sacerdote – realizador, lento, unidimensional, centrípeto;
  6. Enamorado – transicional, aberto;
  7. Carro – realizador, dinâmico, aberto;
  8. Justiça – evolucional, conclusivo, cármico;
  9. Eremita – realizador, unidimensional, lento;
  10. Roda da Fortuna – transicional, evolucional, aberto, cármico;
  11. Força – realizador, conclusivo;
  12. Pendurado – retrógrado, unidimensional;
  13. Morte – transicional, evolucional, dinâmico;
  14. Temperança – transicional, unidimensional, cármico;
  15. Diabo – realizador, dinâmico, centrípeto;
  16. Torre – retrógrado, evolucional, dinâmico, cármico;
  17. Estrela – realizador, unidimensional, aberto, conclusivo;
  18. Lua – transicional, evolucional, centrípeto;
  19. Sol – realizador, aberto, conclusivo;
  20. Julgamento – evolucional, dinâmico, aberto e cármico;
  21. Mundo – realizador, evolucional, dinâmico, conclusivo;
  22. Louco – evolucional, dinâmico
Anúncios

Sobre Vanessa Mazza

Graduada em Comunicação Multimídia pela UMESP, já trabalhei com mídias e publicações (jornais, internet e revistas), mas minha paixão sempre foi o Tarô, com o qual tenho uma vivência de mais de 20 anos. Atualmente resido em Franca, em São Paulo, sendo taróloga profissional – atividade reconhecida pelo ministério do trabalho desde 2002 – e atendo preferencialmente por chat e email.

Publicado em 07/23/2014, em Artigos, Curso, Tarô e marcado como , , . Adicione o link aos favoritos. Deixe um comentário.

Alguma dúvida? Deixe abaixo!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: