Série Tiragens: Do Rei (Gateway to the Divine Tarot)


O livro de Ciro Marchetti sobre o Tarot Legacy of The Divine (veja resenha dele aqui) traz ao final uma spread chamada Tiragem do Rei. O objetivo dela é descobrir se aquilo que você está pensando (como um projeto de vida) será bom para você. São 8 cartas. Porém, se as duas primeiras não forem respondidas favoravelmente, não há a necessidade de se continuar a leitura. Já a 5, 6 e 7 são 3 opções de atitude que se pode ter para se conseguir o que se deseja. Penso que se possa usar tanto o método Básico (só Maiores), quanto o Europeu (Maior+Menor) ou Americano (Tudo misturado com invertidas). As posições estão divididas assim: 1 – É uma boa ideia?; 2 – Irá acontecer sem ajuda?; 3 – Obstáculos; 4 – Ajuda; 5 a 7 – O que pode ser feito?; 8 – Resultado.

Veja um exemplo:

Connolly Tarot

Connolly Tarot

O consulente estava querendo saber se podia começar um projeto profissional no qual passaria a se expor mais. Na primeira posição, saiu a Lua, simbolizando que fazê-lo traria com certeza mais popularidade (estamos lendo sob o ponto de vista material, ou seja, qual seria o resultado primeiro de se levar isso adiante). Na segunda, com o Mundo, vemos que o consulente não precisaria de ajuda, pois possui todas as ferramentas na mão e saberia montar o projeto corretamente. Portanto, podemos ler as próximas cartas. Na terceira, a Força afirma que o consulente poderá sofrer com baixa-autoestima, podendo ser facilmente derrubado com críticas. Portanto, o que pode ajudá-lo é o Carro, na quarta posição, com sua força de vontade e metas claras. O Imperador, a Temperança e o Eremita sugerem que ele se organize bem, tenha constância, seja moderado e diplomático e que tenha paciência, mostrando sabedoria. Se ele também se manter firme em suas opiniões, sem se abater, ao mesmo tempo em que se auto-corrige, as coisas poderão ser mantidas sob controle. De todo modo, o desfecho é a Sacerdotisa, o que indica que o consulente provavelmente pensará muito sobre este projeto, mas não o levará a cabo por medo de errar ou se expor. Caso siga adiante, pode não evoluir muito ou, pelo menos, ser bem visto por suas observações sagazes.

Anúncios

Sobre Vanessa Mazza

Graduada em Comunicação Multimídia pela UMESP, já trabalhei com mídias e publicações (jornais, internet e revistas), mas minha paixão sempre foi o Tarô, com o qual tenho uma vivência de mais de 20 anos. Atualmente resido em Franca, em São Paulo, sendo taróloga profissional – atividade reconhecida pelo ministério do trabalho desde 2002 – e atendo preferencialmente por chat e email.

Publicado em 07/17/2014, em Artigos, Combinações, Tarô, Tiragens e marcado como , , , , , . Adicione o link aos favoritos. 2 Comentários.

  1. É verdade que no método europeu dependo ser for homem ou mulher os arcanos 1 e 2 têm interpretações taromanticas normais ou invertidas entre si?

    Curtir

    • Boa tarde, Marcos! Agradeço sua visita! Segundo Nei Naiff, quando sai Mago (para homens) ou Sacerdotisa (para mulheres) isso indica que a posição onde apareceram é o que realmente importa para o consulente, virando uma espécie de Significador. Por exemplo, numa Mandala, na Casa 4, saiu Mago e o consulente é homem. Sabemos então que a maior preocupação dele ao pedir aquele jogo se refere ao seu lar/família, interpretando então apenas o Arcano Menor. Agora, se o consulente é homem e sai Sacerdotisa, você leria o significado normal da carta, em associação com o Menor. Espero tê-lo respondido. Um abraço!

      Curtir

Alguma dúvida? Deixe abaixo!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: