Resenha: Master Tarot – um tarô para os cristãos


Talvez, querendo preencher uma lacuna e dar aos religiosos um jogo no qual pudessem reconhecer ensinamentos mais de acordo com seu repertório, Mario Montano e Amerigo Folchi criaram em 1996 um baralho baseado na vida e nos ensinamentos de Jesus Cristo.

Publicado pela AGM Muller, a estrutura do Master Tarot é bem semelhante a de um Tarô comum, com os 22 Arcanos Maiores, que aqui representam arquétipos ou grandes verdades (por exemplo, Perdão, arcano XI, equivalente à Justiça no tarô clássico), 40 Arcanos Menores, que são as lições extraídas das parábolas (“Olhai os lírios do campo”), porém, sem a divisão nos naipes tradicionais e, 16 Cartas da Corte que neste caso são substituídas por tipos de personalidade (ex. Barabás).

A arte, feita por Amerigo Folchi, é bem colorida e alegre, mas com tons leves. Ela mistura tanto cenas bíblicas, quanto faz referência a coisas mais modernas, como o quadro “O Grito” de Munch e gibis.

Para se visualizar a correlação entre o Tarô tradicional e este, podemos citar alguns exemplos. A Força se torna Tentação, o Eremita vira Os Discípulos, o Julgamento vem na forma do Apocalypse e o Louco é representado pelo Cometa. Já entre os personagens é fácil descobrir a Rainha de Ouros na Dona de Casa e o Pagem de Espadas no Moralista.

Apesar disso, não é essencial que você conheça o novo testamento para ler este tarô, até porque as parábolas vêm descritas no livro que o acompanha, trazendo também ensinamentos que pertencem a manuscritos, provérbios e outros evangelhos, fora da Bíblia tradicional.

De todo modo, é interessante usar este baralho para clientes mais religiosos ou que têm alguma dificuldade em aceitar os símbolos do Tarô padrão, como o Diabo e a Morte, por exemplo. Mesmo que não seja este o caso, todos os admiradores de Jesus Cristo poderão se beneficiar, extraindo lições diárias numa leitura mais reflexiva que adivinhatória.

Anúncios

Sobre Vanessa Mazza

Graduada em Comunicação Multimídia pela UMESP, já trabalhei com mídias e publicações (jornais, internet e revistas), mas minha paixão sempre foi o Tarô, com o qual tenho uma vivência de mais de 20 anos. Atualmente resido em Franca, em São Paulo, sendo taróloga profissional – atividade reconhecida pelo ministério do trabalho desde 2002 – e atendo preferencialmente por chat e email.

Publicado em 06/05/2012, em Artigos, Baralhos, Tarô e marcado como , , . Adicione o link aos favoritos. 1 comentário.

Alguma dúvida? Deixe abaixo!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: