Evite doenças com o Tarô: 6 de Ouros – Resistência à cura


Pode parecer incoerente, mas nem todas as pessoas querem realmente se curar da doença que as aflige. Mesmo que conscientemente elas o desejem, no íntimo, se elas estão ganhando algo com isso, a tendência é que simplesmente resistam e não se curem. É o caso de males que vem e vão, das doenças crônicas ou de complicações em indisposições simples.

Para se entender melhor, podemos citar o caso da mãe que, por ser muito apegada ao filho que mora longe, vive adoecendo para convencê-lo de que é melhor ficar perto dela, ou da esposa que sempre precisa de cuidados do marido que estava para abandoná-la.

Ou seja, a causa da doença e também da sua não-cura tem origem na mesma coisa: na dependência que criamos em relação a outra pessoa. Então, se tudo o que desejo é atenção, amor e carinho de alguém e só o obtenho quando adoeço, como permitir que meu corpo fique novamente saudável? Isso seria o mesmo que libertar esta pessoa!

É claro que isto é um pensamento torto. A pessoa está com você por coação, pena, medo, culpa. E, mesmo que ame você, não é necessário que fique doente para que esta pessoa o prove.

Por isso, antes de ficar sempre exigindo tudo dos outros, comece você a se doar mais, tal como a imagem do 6 de Ouros. Se você não consegue se curar, por mais tratamentos que faça, a caridade se faz necessária na sua vida. Sem ela, você não renovará suas energias, nem perceberá o quão é bom servir. Afinal, a doença geralmente nasce no egoísmo, por isso, nada melhor que a doação para se livrar dela.

Saiba mais sobre esta série aqui

Anúncios

Sobre Vanessa Mazza

Graduada em Comunicação Multimídia pela UMESP, já trabalhei em emissoras de TV, produtoras de vídeo e cinema, além de ter sido assessora de imprensa de um órgão do Governo do Estado de São Paulo. De 2008 a 2011 me envolvi com a área de internet do Grupo Corrêa Neves de Comunicação em Franca, cidade do interior paulista para a qual me mudei para ter mais qualidade de vida e bem-estar. Dessa forma, pude me dedicar mais intensamente ao tarô, com o qual tenho uma vivência de 17 anos e mais de 5 mil atendimentos, e outros assuntos holísticos, escrevendo artigos e realizando consultas. Atualmente resido em Petrópolis, no Rio de Janeiro, tendo assumido completamente minha profissão de taróloga – que passou a ser reconhecida pelo ministério do trabalho desde 2002 – e atendo preferencialmente por chat e email.

Publicado em 06/05/2012, em Artigos, Evite Doenças, Tarô e marcado como , , . Adicione o link aos favoritos. 1 comentário.

Alguma dúvida? Deixe abaixo!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: