Evite doenças com o Tarô: Louco – Epilepsia


Quem sofre de epilepsia é aquele que se deixa levar pela confusão mental, permanecendo assustado com a vida, posto que a rejeita. Isso geralmente acontece quando além de não termos nenhuma fé ou espiritualidade desenvolvida, nossos pensamentos são tão negativos que a única coisa que queremos fazer é fugir desse tormento.

Este comportamento é muito diferente daquele representado pelo Louco, que é o de deixar ir, confiar na vida e em si mesmo, se mantendo aberto, inocente, alegre, se libertando de qualquer sentimento de medo ou desconfiança.

Porém, como uma pessoa atormentada e cheia de inimigos invisíveis, mesmo que não tenha percepção disso, pode incorporar as qualidades do Louco a ponto de sanar a epilepsia, parando de sofrer suas crises?

A primeira coisa é compreender que tudo o que está vivendo é uma ilusão, que a negatividade não é real, que a vida é essencialmente positiva. Mesmo que algumas manifestações pareçam ruins, elas sempre nos levam para algo melhor. O segundo passo é desenvolver a espiritualidade, pois quanto mais materialistas e céticos formos, mais inflexíveis seremos, portanto, menos abertos a novas possibilidades.

Isso não significa que teremos que ser dogmáticos ou fanáticos. É preciso questionar tudo, tal como o Louco, com sua curiosa inocência. Porém, é preciso estarmos igualmente humildes para aceitar as respostas.

Como pela metafísica da saúde, todo mundo que sofre de doenças na cabeça mostra dureza e orgulho, é claro que a melhor forma de se curar é fazendo exatamente o oposto de nossa inclinação mais frequente, que é rejeitar tudo e tentar fugir, ao invés de encarar e lidar com as coisas de forma tranquila e confiante.

Assim, se você tem epilepsia, pare de correr. Respire fundo e abra os olhos. Você verá que as coisas não são tão terríveis assim e que você pode sim, ter paz.

Saiba mais sobre esta série aqui

Anúncios

Sobre Vanessa Mazza

Graduada em Comunicação Multimídia pela UMESP, já trabalhei em emissoras de TV, produtoras de vídeo e cinema, além de ter sido assessora de imprensa de um órgão do Governo do Estado de São Paulo. De 2008 a 2011 me envolvi com a área de internet do Grupo Corrêa Neves de Comunicação em Franca, cidade do interior paulista para a qual me mudei para ter mais qualidade de vida e bem-estar. Dessa forma, pude me dedicar mais intensamente ao tarô, com o qual tenho uma vivência de 17 anos e mais de 5 mil atendimentos, e outros assuntos holísticos, escrevendo artigos e realizando consultas. Atualmente resido em Petrópolis, no Rio de Janeiro, tendo assumido completamente minha profissão de taróloga – que passou a ser reconhecida pelo ministério do trabalho desde 2002 – e atendo preferencialmente por chat e email.

Publicado em 05/15/2012, em Artigos, Evite Doenças, Tarô e marcado como , , . Adicione o link aos favoritos. 1 comentário.

Alguma dúvida? Deixe abaixo!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: