Boas maneiras com o Tarô: Morte


Todos nós tememos o desconhecido em maior ou menor grau. Afinal, iremos sempre partir do que sabemos, de nossas referências para poder lidar com o novo. Porém, quando este novo é muito diferente, se torna assustador, justamente porque mostra nossa impotência. Se você se sentir assim, sem saber o que fazer, respire fundo e se lembre: você nasceu com um dispositivo interno chamado intuição. Mesmo no escuro, ele é capaz de lhe guiar. Confie nele. Além disso, não se apegue ao que passou, não lamurie, não se arrependa. Olhe para frente e caminhe com confiança. Esqueça a possibilidade de voltar. Nós só podemos evoluir ou ficar estagnados, mas não regrediremos. Quanto ao medo do desconhecido, ele dura muito pouco. Basta que você o veja com tranquilidade e acostume seus olhos a ele e logo tudo passa a ser “normal” e “corriqueiro” outra vez. Então, para quê tanto drama?

Anúncios

Sobre Vanessa Mazza

Graduada em Comunicação Multimídia pela UMESP, já trabalhei com mídias e publicações (jornais, internet e revistas), mas minha paixão sempre foi o Tarô, com o qual tenho uma vivência de mais de 20 anos. Atualmente resido em Franca, em São Paulo, sendo taróloga profissional – atividade reconhecida pelo ministério do trabalho desde 2002 – e atendo preferencialmente por chat e email.

Publicado em 11/25/2011, em Artigos, Boas Maneiras, Tarô e marcado como , , . Adicione o link aos favoritos. 1 comentário.

Alguma dúvida? Deixe abaixo!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: