6 de Paus


Quando nos sentimos vitoriosos, podemos tanto sentir gratidão pela oportunidade que a vida nos concedeu de realizar o que queríamos, como podemos nos sentir mais importantes do que os outros, como se nossa vitória indicasse uma superioridade inata. Tome cuidado com este tipo de pensamento! Quando começamos a nos comparar, deixamos de ser verdadeiramente colaborativos e quem fica no topo sozinho, uma hora ou hora, acaba caindo.

Anúncios

Sobre Vanessa Mazza

Graduada em Comunicação Multimídia pela UMESP, já trabalhei com mídias e publicações (jornais, internet e revistas), mas minha paixão sempre foi o Tarô, com o qual tenho uma vivência de mais de 20 anos. Atualmente resido em Franca, em São Paulo, sendo taróloga profissional – atividade reconhecida pelo ministério do trabalho desde 2002 – e atendo preferencialmente por chat e email.

Publicado em 05/19/2010, em Artigos, Tarô e marcado como . Adicione o link aos favoritos. Deixe um comentário.

Alguma dúvida? Deixe abaixo!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: